Trânsito

Trânsito
30 de dezembro de 2011 gefe-silva

Segundo o ministério da saúde, em 2010 40.160 pessoas morreram e 145 mil deram entrada com ferimentos em hospitais por causa de acidentes de trânsito no Brasil, ou seja, uma cidade pequena dizimada em um ano!

Onde está a falha? Em nós mesmos! Um carro não dirige sozinho (ainda), tem alguém controlando-o, e muitas vezes esta pessoa não está preparada para tal atividade. Alguns exemplos já conhecidos são o consumo de álcool,  excesso de velocidade, desrespeito às regras de trânsito, etc. Mas o quê muitas pessoas ignoram, é que grande parte dos acidentes são causados pela simples falta de atenção no trânsito.

Quando você está dirigindo, sua atenção deve ser voltada para esta atividade, e não para falar ao celular, mandar mensagens de texto, ler documentos ou ficar olhando a paisagem. Somos parte do trânsito, e temos o dever de mantê-lo seguro.

Jaraguá do Sul é a cidade com o maior número de acidentes de trânsito per capta no Brasil, e, acredite, 67,73% destes acidentes são causados por falta de atenção.

A seguir, colocamos alguns itens para serem lembrados e postos em prática no dia a dia do trânsito:

1– Você não está sozinho no mundo. Suas ações refletem no comportamento alheio.

2– É pouco provável que os motoristas próximos à você leiam a sua mente, portanto utilize os sinais do seu veículo indicando antecipadamente suas manobras.

3– Excesso de velocidade é inútil, no final de um trajeto ao trabalho, você ganhará 1 ou 2 minutos, e provavelmente uma multa.

4– Respeite as faixas de pedestre. O tempo “perdido” é insignificante, você faz uma gentileza e também vai precisar atravessar uma rua à pé qualquer dia.

5– Pedestre, ao parar na faixa, preste atenção no sentido da pista. Já vi casos de motoristas que param para o pedestre atravessar e o mesmo fica olhando para o sentido oposto do fluxo.

6– Sinal amarelo não significa “acelere”.

7– Preste atenção nas ações e sinalizações dos motoristas próximos à você.

8– Você tem 3 aliados enquanto dirige. Os espelhos. Regule-os corretamente e utilize-os com frequência para ver o quê ocorre atrás do seu veículo, principalmente antes de mudar de faixa.

Seguem abaixo as estatísticas dos acidentes de trânsito em Jaraguá do Sul. Cortesia Setor de Trânsito 14º BPM

Para mais informações acesse www.14bpm.com.br

 

Comparativo entre Jan e Out 2010 e 2011
Discriminação 2010 2011
Acidente sem vítimas 1764 2318
Acidente com vítimas 700 865
Pessoas feridas 839 1006
Vítimas fatais 0 7

Natureza dos acidentes
Naturezas Quantidade %
Colisões 2469 77,57
Choques 549 17,25
Capotamentos 12 0,38
Tombamentos 3 0,09
Atropelamentos 55 1,73
Outros 95 2,98
Total 3183 100,00

Envolvidos nos acidentes
Envolvidos Quantidade %
Automóveis 3807 61,48
Caminhões 541 8,74
Camionetas 699 11,29
Motocicletas 888 14,34
Ônibus 118 1,91
Bicicletas 94 1,52
Trens 4 0,06
Pedestres 41 0,66
Total 6192 100,00

Causas presumíveis dos acidentes
Naturezas Quantidade %
Falta de atenção 2156 67,73
Veloc. incompatível 284 8,92
Desob. sinalização 287 9,02
Ultrapas. indevida 124 3,90
Embriaguez 119 3,74
Def. na sinalização 2 0,06
Def. mec. no veículo 20 0,63
Def. na via 29 0,91
Outras causas 162 5,09
Total 3183 100,00